Postadores do Mês
James
1º Lugar
Jennifer
2º Lugar
Chad
3º Lugar
Ben
4º Lugar
Últimos assuntos
» Registro do Espelho do Destino
Qua 19 Abr 2017, 12:11 por Petra Kim DiNozzo

» Produtos
Ter 28 Mar 2017, 21:13 por Petra Kim DiNozzo

» Interior da Floresta Negra
Qui 16 Mar 2017, 23:00 por Circe, o Basilisco

» Cela 32
Qui 16 Mar 2017, 22:40 por Robert S. Winchester

» Entrada de Azkaban
Qui 16 Mar 2017, 22:40 por Circe, o Basilisco

» Escritório
Qui 16 Mar 2017, 14:41 por Emily R. Watsgrint

» Campo de Quadribol
Seg 13 Mar 2017, 16:18 por Isabella F. Highmore

» Corredores do Quinto Andar
Dom 12 Mar 2017, 22:27 por Emily R. Watsgrint

» Pedidos do RPG
Dom 12 Mar 2017, 21:28 por James C. Armstrong

Conectar-se

Esqueci minha senha

Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 42 em Ter 17 Jun 2014, 19:05
Parceiros 2/44

Varinha Olivaras

Novo Tópico   Responder ao tópico

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Varinha Olivaras

Mensagem por Lya Ollivander em Sex 21 Nov 2014, 19:08

Relembrando a primeira mensagem :



Varinhas Olivaras





Você para em frente a uma loja, estreita e feiosa, com uma vitrine empoeirada que mostra uma única varinha em uma almofada púrpura, você olha para cima e encontra uma placa com a seguinte  inscrição "Artesãos de Varinhas de Qualidade desde 382 a.C" em letras douradas descascadas  sob a porta.
Ainda vacilante você resolve entrar, e ao fazê-lo você encontra uma loja empoeirada, a mobília da loja conta apenas com uma cadeira, e diversas estantes cobertas de caixas apertadas, a iluminação vem quase toda da janela onde se enxerga o letreiro da loja e parte do beco diagonal. Ao entrar o velho senhor sorri e vem ao seu encontro, você força um sorriso e o cumprimenta dizendo seu nome.

"Oras, é um prazer Convidado, então não vamos perder tempo e encontrar logo sua varinha não é mesmo?"

Você balança a cabeça afirmativamente, o velho senhor sorri e diz algo sobre ser a varinha que escolhe seu dono e que cada dono tem sua hora de ser escolhido, você não entende direito o que ele quer dizer com aquilo, ele sorri amavelmente e lhe pergunta qual será o braço da varinha, se você é destro o canhoto, começando medir cada centímetro do braço que você ergue em resposta com uma fita métrica viva, após isso ele se afunda em meio as prateleiras voltando, pouco depois, com algumas caixas na mão, ali começam os testes até achar a varinha perfeita para você.


Tabela de Preço

Varinhas Comuns:
Varinhas Disponíveis


Varinha de Teixo
7 Galeões


Varinha de Freixo
7 Galeões


Varinha de Betula
7 Galeões


Varinha de Mogno
7 Galeões


Varinha de Salgueiro
7 Galeões


Varinha de Videira
7 Galeões


Varinha de Pinheiro
7 Galeões


Varinha de Bordo
7 Galeões


Varinha de Azevinho
7 Galeões


Obs:
Sobre as Compras

* É obrigatório especificar os itens comprados no final do post.
* Também é obrigatório especificar o valor total das compras efetuadas.
* Para saber qual é sua varinha, use o Lança Dado com o nome: Varinhas
* Post com menos de 10 linhas não serão aceitos!
* Para saber como lançar dados CLIQUE AQUI!
* Todas estas informações devem ir em Spoiler no final do post.

avatar

Lya Ollivander

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Luck (Fortuna in Ludis) em Dom 23 Out 2016, 14:52

O membro 'Nina S. Alekseev' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Varinha' :
Staff
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Nenhum

Luck (Fortuna in Ludis)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Savannah Gatsby em Seg 31 Out 2016, 16:13

No Beco Diagonal


Comprando minha primeira varinha


Depois de uma longa e cansativa manhã de compras, eu chegara no que parecia ser a última loja do dia : a loja Olivaras, aonde eu iria comprar minha primeira varinha. Eu sabia que era a loja que vendia varinhas, apenas por a loja ser pequena, feia e pelo aviso que estava na frente, que dizia que ali vendia varinhas desde antigamente. -Quem duvida que era aqui que se vendia varinhas do tempo do nunca ?-Eu perguntei á mim mesma, sorrindo divertida, e entrei na loja, já que mamãe me disse que ia resolver uma coisa e voltara logo. Entrei na loja, olhando tudo visivelmente curiosa, embora não demonstrasse.-Oi ? Tem alguém aqui ?-Eu perguntei, um pouco cautelosa, ainda olhando as coisas da loja. Foi quando um bruxo idoso aparecera e me cumprimentara. -É um prazer conhecê-la, senhorita Savannah Gatsby, eu estava esperando a visita da senhorita.  Sou o Sr. Olivaras. Parece q foi ontem que sua mãe veio aqui comprar a primeira varinha dela..-Ok, o tal senhor Olivaras me dissera que conhecia minha mãe e fiquei na dúvida se eu acreditava ou não nele. Eu apenas forcei um sorrisinho e logo o Sr. Olivaras começou a me medir, com acenos de uma varinha e perguntou qual era meu braço, se eu era canhota ou destra. -Hum, eu sou destra.-Eu disse, e o Sr. Olivaras me entregara minha primeira varinha.  Fiz um aceno um tanto bobo e nada aconteceu, apenas uns papéis voaram para quase fora da loja. Ops. Em seguida, o homem me entregara uma segunda varinha, e dessa vez, algo aconteceu. Imediatamente, senti um leve ''calor'' dentro de mim, e acho que a varinha tinha enfim me escolhido. -Muito bom mocinha, parece que sua varinha enfim lhe escolheu ! A varinha custa apenas sete galeões;-Sr. Olivaras me dissera, depois que eu dei a varinha para o velho guardar em uma caixa retangular. Paguei os sete galeões, me despedi de Sr. Olivaras fui encontrar com mamãe na saída da loja.

Legenda :

Narração
Minhas falas
Falas de minha mãe
Falas do Sr. Olivaras
''Pensamentos''

Compra:

1 varinha- 7 galeões

Total= 7 galeões


Com quem: Mamãe e Sr. Olivaras | Local: Sr. Olivaras(Beco Diagonal) | Veste: AQUI


Thanks Nanda from TPO


Última edição por Savannah Gatsby em Qua 02 Nov 2016, 14:22, editado 1 vez(es)


Savannah Gatsby
Sav || Sly Pride || 1sy year || Litle bitch
@Maay - TPO
Sonserina
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa:: Sonserina
Time: Uniao de Puddlemere

Savannah Gatsby

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Luck (Fortuna in Ludis) em Seg 31 Out 2016, 16:13

O membro 'Savannah Gatsby' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Varinha' :
Staff
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Nenhum

Luck (Fortuna in Ludis)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Alessandra B. Howard em Sab 05 Nov 2016, 20:45

I have a wand


Varinha

Era difícil para alguém tão pequena como eu carregar uma pilha pesada de livros, então entrei na primeira loja de vi. O sininho da porta tocou assim que adentrei o local, basicamente joguei-me sobre o balcão e larguei os pacotes pesados de livros. Um senhorzinho grisalho estava no alto de uma escada arrumando delicadas caixas de varinhas, assim que olhei para o homem pude perceber que as paredes eram repletas de caixas e tudo parecia ter uma camada generosa de poeira. Ele soltou uma risadinha.
– Boa tarde, senhorita Howard! – Falou o velho enquanto descia a escada com cuidado, eu olhei curiosamente para ele quando o mesmo mencionou meu sobrenome, ele dirigiu-se para trás do balcão e focou os orbes azuis em mim. – Você é muito parecida com sua mãe e sua irmã! – Eu sorri de canto e um silêncio tomou o local.
– Eu procuro a minha primeira varinha! – Falei olhando para as inúmeras caixas na loja, o homem pareceu voltar para o seu corpo e soltou um animado sim e entrou animadamente para dentro da loja. Eu tentei o seguir com os olhos, mas ele subiu em uma curva do corredor. Enquanto o homem não voltava eu observei toda as caixas nas paredes, balancei o fraco banco de longas pernas e parei novamente em frente ao balcão onde comecei a tocar a pequena campainha. O homem voltou com passos apresados e os braços carregados de caixas de diferentes cores, ele as largou sobre o balcão e abriu cada uma delas mostrando a varinha que cada uma continha. Eu as olhei curiosa e o homem, que prestava atenção em mim, falou.
– Vamos, teste uma! – Eu olhei para a cara esperançosa dele e peguei a primeira varinha, testei a mesma e nada aconteceu. Na segunda eu explodi um livro de contas, na terceira tirei algumas gavetas do lugar e na terceira acabei bagunçando grande parte das caixas de varinhas. O rosto do homem já não era mais animado e sim preocupado, e eu já estava cansada de testar varinha, na verdade já não havia mais nenhuma para testar.
– É, eu acho que nenhuma serviu. – Falei desanimada, o homem fez um sinal para que eu esperasse mais um pouco e sumiu novamente, ele voltou com duas caixas e pediu para que eu experimentasse as duas varinhas. Peguei a primeira e nada aconteceu, simplesmente nada até um trouxa conseguiria fazer mais magias que eu naquele momento, mas quando peguei a segunda alguma coisa parecia ter mudado. Era aquela.
– É essa ai! Tenho certeza! – Falou o homem feliz, eu sorri de canto e larguei a varinha na caixa.
– Sim, é essa. – Confirmei, o homem falou mais algumas coisas sobre varinhas e como deve-se cuidar delas, mas eu não prestava mais atenção nele eu lembrava de Astrid, minha irmã. Fazia algum tempo que não tinha contato com ela e flashes de quando nossa família comprou a varinha dela apareceram na minha cabeça - eu era bem pequena na época, mas ainda lembrava de algumas coisas. O senhor entregou-me a caixa da varinha e cobrou-me por ela.
– Obrigada! Aqui está. – Falei entregando os galeões ao homem, peguei a pequena caixa e me despedi dele. Saio dali.
compras:

1 varinha - 7 galeões
Total = 7 galeões

@Kall at Queen of Graphics


Alessandra Katherina Brauner Howard
Ações ▲ FeitiçosMinhas falasFalas de outrosFrida Maria(meus pensamentos)
Corvinal

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 10
Casa:: Corvinal
Time: Nenhum

Alessandra B. Howard

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Luck (Fortuna in Ludis) em Sab 05 Nov 2016, 20:45

O membro 'Alessandra B. Howard' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Varinha' :
Staff
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Nenhum

Luck (Fortuna in Ludis)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Dimitri Herondale em Dom 13 Nov 2016, 11:01



A varinha me escolhe


Após uma longa e cansativa manhã de compras no Beco Diagonal, finalmente faltava apenas uma loja para encerrar o dia de compras : a Loja Olivaras, aonde eu tinha que ir para comprar minha varinha mágica. Eu ia ter minha única varinha mágica ! Legal, não ? Só esperava que eu fosse bom nas matérias que tivesse que utilizar apenas a varinha, como Feitiços, por exemplo. Cara, agora eu ia ficar parecido com  o Merlin daquelas histórias do Rei Arthur !
Titia me disse que iria precisar dar uma saidinha, para resolver uma coisa. Claro que eu fiquei desconfiado imediatamente, mas mesmo assim, eu entrei sozinho na loja que vendia varinhas. A loja Olivaras era pequena e escura e eu ainda me perguntava como era que alguém conseguia trabalhar aqui. -Oie, tem alguém aí ?-Eu perguntei, cauteloso, enquanto eu entrava na loja. Eu ainda olhava se iria aparecer mais alguém, quando um velho, que eu supusera ser o próprio Olivaras, aparecera.  O senhor Olivaras era um bruxo idoso e eu chutara que o homem deveria com certeza ter uns oitenta e três anos, no máximo. -Olá, senhor Herondale, eu estava esperando sua visita, meu rapaz. Ou melhor, sua varinha esperava sua visita-O senhor Olivaras me dissera, me conduzindo para os fundos da loja, aonde havia um monte de caixas grandes retangulares.
Mas espera aí, como assim, minha varinha esperava por mim ? Isso era mesmo possível ? Mas como...-Espera aí, minha varinha me esperava ?-Eu perguntei, curioso, enquanto Sr. Olivaras tirava minhas medidas, com um aceno de varinhas e depois, ele me perguntou qual era meu braço, se eu era destro ou canhoto.-Hum, eu sou destro...-Eu disse, um pouco inseguro. Peguei a primeira varinha e comecei a ver se conseguia fazer alguma magia com ela. Mas, para meu espanto, nada aconteceu. -Quanto tempo leva até a varinha escolher o bruxo, senhor Olivaras ?-Eu perguntei á Senhor Olivaras, curioso.
Senhor Olivaras me diz que demora um tempo até que a varinha escolha o bruxo, porque a varinha tem que ser ideal ao dono, ou algo assim.
Depois de ter testado o que me parecia ser a terceira varinha, eu finalmente senti que conseguira produzir alguma mágica. Será que a minha varinha finalmente me escolhera ?-Muito bom senhor Herondale, parece que sua varinha finalmente lhe escolheu ! -Senhor Olivaras me disse, colocando a minha varinha em uma caixa retangular fina. Quando eu paguei ao senhor Olivaras pela minha varinha, vi titia chegando com um pacote fino e comprido. O que seria aquilo ?  Nem decidi perguntar, eu apenas peguei a mão de titia, me despedi do Sr. Olivaras e deixei sua loja. Saí do Beco, entrei no Caldeirão Furado e fui para casa com titia, afinal eu ainda tinha que organizar minhas coisas para a viagem de ida á Hogwarts.

2014 © Bluee • CG



Because maybe, You're gonna be the one that saves me, and after all, you're my wonderwall.... ♠
Dimitri Herondale
Lufa-lufa
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa:: Lufa-lufa
Time: Canhões de Chudley

Dimitri Herondale

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Luck (Fortuna in Ludis) em Dom 13 Nov 2016, 11:01

O membro 'Dimitri Herondale' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Varinha' :
Staff
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Nenhum

Luck (Fortuna in Ludis)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Jacob Stephen Müller em Seg 14 Nov 2016, 11:14

A primeira varinha...
Incrivelmente, a primeira coisa que Jacob notou ao entrar na tão esperada loja de varinhas não foram as diversas caixas, mas sim o senhor que estava atendendo no caixa. Aparentemente era o dono do lugar. Era bem velhinho de pele extremamente branca, olhos esverdeados e caídos e seus aparentes oitenta (talvez noventa) anos de idade. Mesmo assim, sua atenção logo se voltou para as caixas atrás de tal homem. Aquilo sim fez os olhos do garoto brilharem. A animação era evidente em sua face. Então, ainda mais apressado do que em qualquer outra loja, Jake chegou perto do balcão e pediu ao homem uma varinha mágica.

Por alguns segundos, o homem atrás do balcão pareceu o encarar de cima a baixo, pedindo em seguida para que eu lhe desse a mão. Então, após observá-la por alguns instantes, assentiu lentamente e virou-se para pegar uma caixa que não estava muito longe dele, colocando-a sobre o balcão e abrindo-a para que eu pudesse pegar o item e ver se aquela seria de fato a sua varinha.

Com as mãos um pouco trêmulas por conta da grande onda de sentimentos que recebeu no momento, Jacob agarrou a varinha e pode sentir todo o seu poder em mãos. Nesse momento, o senhor pediu que eu tentasse fazer um feitiço simples, talvez fazer com que um pequeno vaso de flores levitasse. Tarefa cujo a qual não a realizou com êxito e logo deixou claro que aquela definitivamente não era a sua varinha.

Desculpando-se pelo pequeno erro na escolha da varinha, o senhor virou-se e pegou uma segunda caixa, repetindo o mesmo processo e pedindo mais uma vez para que o jovem fizesse levitar o tal vaso de flores. Dessa vez a sensação ao segurar a varinha foi ainda mais intensa. Ao recitar o feitiço adequado, sem hesitar a varinha obedeceu e o vaso de plantas passou a flutuar a alguns centímetros do balcão.

Agradecendo ao homem sem deixar de olhar para a varinha, Jake pagou pelo item e também por um estojo de manutenção para a mesma. Tendo os dois itens em mãos, saiu da loja mais animado do que nunca.

Notes: Cloudy Tagged: Nobody for now Wearing: Suit
THANK YOU WEIRD BY LOTUS GRAPHICS EDITION!


Jacob Stephen Müller
Ministry. Slytherin . Sarcastic . Family Müller


MONSTRO@MKD
Ministerio Funcinario

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 34
Casa:: Sonserina
Time: Canhões de Chudley

Jacob Stephen Müller

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Luck (Fortuna in Ludis) em Seg 14 Nov 2016, 11:14

O membro 'Jacob Stephen Müller' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Varinha' :
Staff
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Nenhum

Luck (Fortuna in Ludis)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Josh Karev Müller em Qua 16 Nov 2016, 20:34



ARE THERE SOME ACES UP YOUR SLEEVE? HAVE YOU NO IDEA THAT YOU'RE IN DEEP? I'VE DREAMED ABOUT YOU NEARLY EVERY NIGHT THIS WEEK.
- Caramba... – murmurou Josh, carregando na face uma expressão de real surpresa, idêntica a de uma criança em um parque de diversões. – Eu não imaginava que meus avós tinham me deixado tanto dinheiro. – Disse a si mesmo ajeitando os óculos, ainda descrente da quantidade de moedas que vira no cofre que se mantivera fechado desde o falecimento de seus avós. "Calma Josh, só se acalma.." Respirou fundo e tornou a andar pelo beco diagonal em direção a loja de varinhas. - Pois bem, se vovô e vovó deixaram tanto dinheiro pra mim, é minha obrigação começar a gasta-lo.

Sem pestanejar, Josh adentrou a loja empoeirada e mal organizada que era o "Olivaras." - Oláa? - Disse em alto e bom som na esperança de que alguém o atendesse. Adentrou cada vez mais a loja a observando. A loja era completamente abarrotada de pequenas caixas. O estoque era bem grande, o que tinha uma certa lógica, afinal, quase todos os bruxos e bruxas da Grã-Bretanha compravam suas varinhas no Olivaras. Josh já estava para desistir de ser atendido quando uma voz rouca o pediu para esperar. Era o dono da loja, o próprio Olivaras. O senhor cumprimentou o garoto e questionou em como poderia ajuda-lo. - Olá, senhor Olivaras. Gostaria de comprar minha primeira varinha, por favor! - Disse que convicção e o olhar fixo no dono da loja. Olivaras pediu para que Josh aguardasse e pegou algumas caixas contendo varinhas para que o garoto testasse-as. Varinha por varinha, Josh realizou o teste de cada uma delas, nenhum deles foi muito "bom", na verdade, foram péssimos. Por fim, depois de alguns minutos, o garoto apanhou uma varinha que o despertou "arrepios" e uma sensação única de poder e bem estar, era como se a mesma estivesse apenas aguardando o seu toque. Josh testou a varinha que tinha em mãos com um feitiço simples e concluiu que a mesma seria sua companheira. Josh pagou pela sua compra e se despediu do senhor Olivaras, saindo assim, satisfeito com sua varinha.



Última edição por Josh Karev Müller em Qua 16 Nov 2016, 20:35, editado 1 vez(es)


Josh Karev Müller
Credits Skylar
Grifinória
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 30
Casa:: Grifinoria
Time: Morcegos de Ballycaste

Josh Karev Müller

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Luck (Fortuna in Ludis) em Qua 16 Nov 2016, 20:34

O membro 'Josh Karev Müller' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Varinha' :
Staff
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Nenhum

Luck (Fortuna in Ludis)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Kang Hyorin em Qua 30 Nov 2016, 18:54

A busca pela varinha

Ah, o Beco Diagonal! Como eu queria vir aqui!  Meus pais sempre me contavam da rua cheia de gente e de lojas super interessantes. Queria que eles estivessem aqui agora, mas eu entendo que eles têm suas obrigações em Seul. Anyway, estou feliz por poder contar com a minha tia para isso. Sorri e olhei para a mulher ao meu lado. Ela me olhou sem entender e sorriu para mim. Ela andava rápido e sabia exatamente onde ir. Nós paramos em frente a uma loja. A placa desgastada pelo tempo dizia "Artesãos de Varinhas de Qualidade desde 382 a.C"." AH NÃO POSSO ACREDITAR! É HORA DA VARINHA!" Sim, eu gritei isso e eu estava fazendo uma dancinha também. Hyorin pare com isso!Você está chamando atenção! Minha tia ria enquanto segurava meu braço e me levava para dentro da loja.O senhor Olivaras já nos esperava por trás de um balcão. Provavelmente por causa do meu momento de animação, ele exibia um sorriso largo no rosto." Anyoung haseyo Hyorin! Desculpe, mas isso é tudo que sei." Eu sorri e respondi" Anyoung haseyo! Fico feliz por saber ao menos isso. Não é um idioma muito famoso." Ele aumentou ainda mais o sorriso e se apoiou no balcão.
" Como está sua mãe? Ela esteve aqui há muito tempo!Menina esperta. E seu pai?Conheci quando ele veio com sua tia. Ele não estudou em Hogwarts, certo? " "Certo!Meu avô tinha planejado toda a vida escolar de meu pai "
Parecia que ele ainda tinha algo mais a falar, porém ele foi direto ao ponto." Hora da varinha!Você é destra como sua mãe? " Acenei a cabeça e ele logo começou a medir meu braço e buscar várias varinhas. Olhei para as prateleiras lotadas e me assustei com a possibilidade de nunca achar a varinha perfeita. Como se ele soubesse o que eu estava pensando, ele disse " Fique tranquila! Achará a varinha certa, não importa o quanto demore. Sua mãe teve que experimentar treze varinhas. " Respirei fundo e peguei a primeira varinha... Desastre total. Passei para a segunda, a terceira, a quarta e a quinta varinha. Minha tia saiu da loja na quarta varinha e foi conversar com umas amigas no Caldeirão Furado. Na sexta varinha eu já estava quase chorando, mas o Sr. Olivaras continuava radiante. " Tenho uma boa sensação quanto esta aqui!" Eu peguei a varinha e senti como se algo tivesse se encaixado, como se agora eu soubesse algo novo, Sr. Olivaras sorriu mais uma vez e disse A senhorita conseguiu! Eu disse que tinha uma boa sensação sobre esta... Ele sorria como se guardasse um segredo bem divertido. Ele embalou a varinha e me entregou " Aqui estão os sete galeões! " " Obrigado senhorita Hyorin! Tem um grande futuro a sua frente!" Saí da loja saltitante e olhei para a lista em minha mão. Ainda faltava algumas coisas...
Compras:
1 varinha = 7 galeões
Total = 7 galeões
Ps.: A "tia" é apenas uma personagem que é parte da trama indivual da Hyorin
Narração Minha fala Pensamentos Fala de uma personagem Fala de uma personagem 2

[/color][/color][/color]
▲BY LOONY!




Kang Hyorin
®
Sonserina

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Nenhum

Kang Hyorin

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Luck (Fortuna in Ludis) em Qua 30 Nov 2016, 18:54

O membro 'Kang Hyorin' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Varinha' :
Staff
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Nenhum

Luck (Fortuna in Ludis)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Theodore J. Stark em Sex 02 Dez 2016, 13:33








Theodore James Stark
Looking for a wand






Theodore caminhou em direção à Olivaras, como sua avó assim tinha dito. Seus olhos azuis-gelo cintilaram, olhando para as diversas caixas que estavam muito bem organizadas sob o olhar atento do velho.

Sacudiu seus galeões no bolso, apenas para ter certeza que estava com eles ali, mas isso atraiu a atenção do velho Olivaras. Seu sorriso gentil apareceu, enquanto ele descia da escada e vinha em direção ao balcão.

Então, meu rapaz, tem alguma preferência por varinha? — Perguntou, se debruçando na estrutura de madeira escura.

Não. Na verdade, nunca vim aqui.


Ótimo, então procuremos por algo que lhe agrade. Deixe-me ver.

Ele se dirigiu em passos rápidos às estantes, deixando Theo observando a loja. Era bonita, chegava até a impressionar, pensava como seus pais teriam reagido quando viram aquela loja pela primeira vez, pensariam como ele? Foi arrastado de seus pensamentos por Olivaras, que se aproximara com uma caixa.

Theodore tirou a mesma e tentou usar um feitiço, mas apenas acabou por arrebentar com o jarro que estava perto da porta.

Não se preocupe, rapaz, eu me lembro de seus pais. Não foi fácil arranjar varinha para eles também. — Comentou ele, tirando a varinha da mão do garoto e indo pegar outra.

Theodore pensou em falar, mas o que ele poderia dizer? Que informações sobre seus pais aquele velho homem poderia dar? Amelia e Rory Stark, quem poderia conhecer esses dois? Eles não foram nada de especial, não foram salvadores ou gênios. Apenas pessoas normais que já não estavam entre nós. Estavam mortos.

Venha, experimente essa. — Ele lhe ofereceu uma varinha.

Theo a aceitou de bom grado e, num movimento rápido, executou um feitiço perfeito. Olivaras bateu palmas, dizendo que aquela varinha era perfeita para ele. Pagou e logo saiu do local, deixando para trás a bela loja.

Compras:
1 Varinha = 7 Galeões







look at you go, i just adore you
Sonserina

Theodore J. Stark

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Luck (Fortuna in Ludis) em Sex 02 Dez 2016, 13:33

O membro 'Theodore J. Stark' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Varinha' :
Staff
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Nenhum

Luck (Fortuna in Ludis)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Isabella F. Highmore em Sex 23 Dez 2016, 07:13

Compras no Beco


Narraçao - Isabella- Falas dos outros -''Pensamentos''
Evil Queen at Queen of Graphics


Logo depois que eu saí da Floreios e Borrões, eu vi na lista de materiais que o que faltava eu comprar agora era apenas a nova varinha, já que a minha varinha antiga tinha se partido por puro acidente. Então, segurando todos os pacotes de compras e segurando o novo caldeirão de pedra, eu entrei sozinha na loja Olivaras e eu vou admitir que eu me senti nostálgica assim que entrei na loja, porque me lembrei da primeira vez em que estive ali, para comprar minha primeira varinha, lá quando eu ainda estava para começar o primeiro ano.-Olá, senhor Olivaras, como vai ? É, faz muito tempo mesmo que eu vim aqui. Eu vou quer uma varinha nova, quebrei a minha por cause de um...pequeno acidente...-Eu disse ao senhor Olivaras,um pouco tímida.-Ah sim, olá, minha querida. Parece que foi ontem que a senhorita esteve aqui para comprar sua primeira varinha.  Vamos,  pode experimentar.-O senhor Olivaras me dizia, simpático, enquanto pegava uma caixa retangular fina que continha uma varinha.
Peguei a varinha e comecei a fazer uns movimentos bem bobos, mas logo vi que aquela não seria a minha varinha. O senhor Olivaras me dera outra varinha e , no instante em que eu peguei a varinha, na mesma hora eu senti que a varinha já tinha me escolhido. Finalmente, achei que minha varinha não me escolheria mais. Paguei pela varinha, agradeci ao senhor Olivaras e deixei a loja. Em seguida, fui para o Caldeirão Furado, afinal, eu precisava mesmo voltar para casa.

(Off)









Última edição por Isabella Burton em Sex 23 Dez 2016, 16:03, editado 1 vez(es)


Isa # Corvinal # 4º ano # Fofa #Filha de Theon#Irmã de Chad
Isabella  Highmore

Zafrina - TPO
Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa:: Corvinal
Time: Harpias de Holyhead

Isabella F. Highmore

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Luck (Fortuna in Ludis) em Sex 23 Dez 2016, 07:13

O membro 'Isabella Burton' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Varinha' :
Staff
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Nenhum

Luck (Fortuna in Ludis)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por James Schwartz-Bélanger em Sex 23 Dez 2016, 15:36

Varinha.
James era uma pequena cabeleira loira saltitando pelo Beco Diagonal, o idioma diferente, os cheiros novos e as pessoas estranhas chamavam a atenção da pequena francesa que brincava pela rua. A mãe e o irmão mais velho com os olhos atentos na pequena de vestido azul bebê e sapatos negros, James virou-se animada, com a pequena mão chamou seus parentes. – Venham! – Ela estava parada em frente à loja de varinhas, o homem que as fabricava era muito famoso. A família havia passado as férias em Londres e James ingressaria em Beauxbatons no próximo ano letivo, Miranda decidiu comprar o material dos filhos no Beco Diagonal, uma experiência nova e única. A vitrine mostrava uma almofada desbotada e uma varinha, a camada de pó deixava a desejar, mas a emoção de comprar sua varinha não fazia o brilho nos olhos da menina sumir.

Embalada pela empolgação James adentrou na loja de supetão, o sininho tocou e a mãe repreendeu a menina pela ação deselegante. No interior da loja a loirinha freou os pés ao ver um homem de olhos azuis, no alto de uma escada, olha-la severamente para logo após abrir um sorriso encantador. – Boa tarde! Vocês são estranhos para mim. – O irmão falando francês com a mãe fez o Sr. Olivaras soltar um belo sorriso, o entendimento passando por seu rosto. – Oh, claro! Vocês são franceses! Procuram uma varinha? – James sorriu educadamente com uma pequena reverência cruzou as mãos à frente do corpo e pediu educada. – Sim, senhor. Eu estou procurando minha primeira varinha! – Olivaras riu alegremente, a mãe conversou com o homem que parecia muito interessado no que a mulher havia para falar a ele. James e Morgan olhavam atentamente as varinhas que cobriam todas as paredes até o teto. Os olhos brilhando de excitação.

O Sr. Olivaras chamou a menina, James postou-se a sua frente obediente. – Estique o braço com que escreve, por favor! – James esticou o braço esquerdo, enquanto a menina mantinha-se quieta uma fita mágica media seu corpo. Após a fitar parar e voltar para a mão do homem, ele sumiu entre os corredores no fundo da loja e reapareceu alguns minutos depois carregando várias caixas.
– Tente uma! – Falou apresentando as varinhas para James, a menina as olhou e escolheu uma de seu agrado. Nada aconteceu, pegou outra, mais um a e depois dessas outras três, mas infelizmente nenhuma parecia a correta. Sr. Olivaras estendeu a última varinha para a menina, James a pegou receosa e a testou. Havia dado certo, finalmente havia encontrado sua varinha. A pequena esboçava um grande sorriso, os olhos azuis brilhando como estrelas.

– Acho que encontrou sua varinha, querida! – Falou Miranda gentilmente, a mão delicada sobre o pequeno ombro da filha. Ela assentiu para o Sr. Olivaras que pediu a varinha que James segurava. Após a varinha estar embrulhada e já paga, James pronunciou-se. - Merci beaucoup, M. Ollivander! – Falou fazendo uma reverência para o homem, Sr. Olivaras curvou-se da maneira que podia e deu adeus. Os três Schwartz-Bélanger saíram da loja.

Post Atemporal / James com 11 anos — Beco Diagonal — Animada - Mãe e Morgan




Compra:

1 varinha = 7 galeões


James Schwartz-Bélanger

Ministerio Funcinario
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 56
Casa::
Time: Nenhum

James Schwartz-Bélanger

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Luck (Fortuna in Ludis) em Sex 23 Dez 2016, 15:36

O membro 'James Schwartz-Bélanger' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Varinha' :
Staff
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Nenhum

Luck (Fortuna in Ludis)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Coraline Owen Matznauer em Sab 21 Jan 2017, 22:51


ollivander's


A cabeleira ruiva podia ser achada no meio da multidão, os olhos sempre alertas e arregalados, observando tudo que podia e que conseguia absorver. Claro, ouvira algumas observações da mãe antes mas nada se comparava a viver o momento, o coração batendo forte no peito e os dedos tremendo levemente quando alcançou a porta da Olivaras. Ela percorreu as íris verdes pela loja, a pontinha do nariz ficando avermelhada pelo contato repentino com poeira e cheiro de lugar velho. Maryse tentou puxar a filha pelo braço para tentar controlá-la, mas a ação foi ignorada, pois a mais jovem correu até o balcão e debruçou-se sobre o mesmo.

— Alguém está aqui? — ouviu a risada abafada de um cliente que estava saindo do local e ela cruzou os braços, encarando as milhares de estantes que ali estavam.

— Essa é a pequena Matzneauer?

Um senhor de aparência obtusa e envelhecida apareceu, um óculos de armação fraca apoiado na ponta do nariz, tão prestes a cair que Coraline teve que segurar a vontade de ajeitar o objeto para ele. Ela puxou a camisa mais para baixo e sorriu, dizendo o próprio nome em voz alta, parecendo feliz com o resultado, e o lojista meneou a cabeça, aprovando.

— Como eu faço para conseguir uma varinha, senhor? — perguntou, antes de espirrar, rapidamente colocando o antebraço na frente da boca. — Me desculpe — balançou os ombros, voltando ao sorriso. O senhor pareceu indiferente.

— Coraline, a varinha escolhe o bruxo. Isso significa que… — com um floreio de mão, uma caixa apareceu entre os dedos da mais nova. — Tente esta, pequena.

Ela moveu os lábios, agora consciente dos braços de Maryse circundando seus ombros. Tirou a varinha da caixa cuidadosamente e nada aconteceu, e deu de ombros, entregando o papelão para o vendedor. Ele pegou outra, uma ligeiramente maior e começou a explicar o núcleo, do que era feita e tudo isso, mas Coraline não prestou muita atenção porque estava entretida demais assistindo um brilho emanar da varinha.

O sorriso se alargou e ela rapidamente soltou o objeto, depositando-o dentro da caixa.

— É esta. — Maryse e o vendedor concordaram e a ruiva mais velha entregou um punhado de moedas para ele e levou a filha para a porta, não sem antes se despedir do simpático senhor que a lembrava do Conde Olaf.

compra:
Uma varinha, isto é, total de 7 (sete) galeões.


diagonal alley x buying things x created by me


owen
teenagers scare the living shit out of me they could care less as long as someone will bleed so darken your clothes or strike a violent pose maybe they'll leave you alone but not me
Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Vespas de Winbourne

Coraline Owen Matznauer

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Luck (Fortuna in Ludis) em Sab 21 Jan 2017, 22:51

O membro 'Coraline Owen Matznauer' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Varinha' :
Staff
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Nenhum

Luck (Fortuna in Ludis)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Beatrice Weathërvaux em Qua 25 Jan 2017, 13:40

Call it magic
Beatrice engoliu em seco, erguendo o olhar para fitar o letreiro ornamentado em letras douradas acima de sua cabeça. Em seguida, os olhos pousaram na vitrine de ar empoeirado, onde estava uma varinha solitária em cima de uma almofada roxa e desbotada. Franzindo o cenho, ignorou o cansaço que já começava a pesar sobre os ombros e adentrou à loja pequena, de aspecto duvidoso. Sua primeira surpresa firmou-se no amontoado de estojos para varinhas, que erguiam-se até o teto do estabelecimento. Emitiu um silvo baixo de surpresa, assustando-se no minuto seguinte, quando uma figura surgira em meio às pequenas caixas. Era um senhor, já de terna idade, que a fitou, exibindo um semblante de curiosidade enquanto mantinha-se calado, talvez esperando que ela se pronunciasse.

A jovem balbuciou algumas palavras, dizendo que estava a procurar por uma varinha. O rubor pintou-lhe as bochechas pálidas de escarlate, enquanto ela notara que havia dito o óbvio. Reprimindo um suspiro, viu-o fazer-lhe um rápido gesto, antes de surgir ante ao aglomerado de estojos. Ela apenas assentiu, lembrando-se de colocar o caldeirão próximo ao balcão, juntamente com os pacotes comprados na Madame Malkin. Rapidamente, após livrar-se do peso, sentiu o corpo livre e menos cansado. Fora naquele instante que o senhor retornara. Munida pela crescente curiosidade que sentia, ela aproximou-se dele assim que ele abriu um estojo que trouxera do estoque da loja. Ela arqueou as sobrancelhas, meneando o olhar entre a varinha e o senhor. Ele riu baixo, indicando que ela poderia pegar no pequeno objeto.

Sem hesitar, os dedos finos e magros foram em direção a peça, segurando-a com a mão direita. Um suspiro de alívio fora dado, enquanto sentia-se satisfeita segurando a varinha. Afastando-se alguns centímetros do balcão, lembrou-se de como o rapaz que atendeu-lhe na alfaiataria manuseou a varinha quando fora tirar-lhe as medidas. Respirando fundo, ela agitou a varinha, afim de repetir o movimento, enquanto dava uma voz de comando para o objeto. Mal a palavra Lumus havia escapado-lhe pela boca, a magia remanescente em si transpassou para a varinha e a mágica ocorreu. A loja iluminou-se.

Sorrindo genuinamente, pousou a peça de volta ao estojo, com as energias renovadas. Talvez aquela pequena demonstração de magia fosse o ânimo que lhe faltara para que conseguisse terminar as compras com louvor. O senhor fechou o estojo e ditou o preço da compra, que fora paga em seguida. Ele, por fim, desejou-lhe boa sorte, enquanto ela colocava o estojo dentro das vestes, colocando-o mais próximo de si, já que, a partir daquele instante, teve receio de colocar no caldeirão e acabar por perder a varinha por descuido.
Ela agradeceu a oferta de boa sorte e deixou os galões com ele, pegando suas compras com cuidado e rumando para fora da loja.

compra:
• 1 varinha = 7 galeões
And with all your magic I disappear from view...




We are not evil, we are intelligent. If it is evil to think exclusively of our power, then evil is only a necessary gift.


avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Nenhum

Beatrice Weathërvaux

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Luck (Fortuna in Ludis) em Qua 25 Jan 2017, 13:40

O membro 'Beatrice Weathërvaux' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Varinha' :
Staff
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Nenhum

Luck (Fortuna in Ludis)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varinha Olivaras

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Novo Tópico   Responder ao tópico
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum