Postadores do Mês
James
1º Lugar
Jennifer
2º Lugar
Chad
3º Lugar
Ben
4º Lugar
Últimos assuntos
» Registro do Espelho do Destino
Qua 19 Abr 2017, 12:11 por Petra Kim DiNozzo

» Produtos
Ter 28 Mar 2017, 21:13 por Petra Kim DiNozzo

» Interior da Floresta Negra
Qui 16 Mar 2017, 23:00 por Circe, o Basilisco

» Cela 32
Qui 16 Mar 2017, 22:40 por Robert S. Winchester

» Entrada de Azkaban
Qui 16 Mar 2017, 22:40 por Circe, o Basilisco

» Escritório
Qui 16 Mar 2017, 14:41 por Emily R. Watsgrint

» Campo de Quadribol
Seg 13 Mar 2017, 16:18 por Isabella F. Highmore

» Corredores do Quinto Andar
Dom 12 Mar 2017, 22:27 por Emily R. Watsgrint

» Pedidos do RPG
Dom 12 Mar 2017, 21:28 por James C. Armstrong

Conectar-se

Esqueci minha senha

Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 42 em Ter 17 Jun 2014, 19:05
Parceiros 2/44

Pátio da Torre do Relógio

Página 2 de 3 Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Luck (Fortuna in Ludis) em Seg 31 Mar 2014, 14:29

Relembrando a primeira mensagem :


Pátio da Torre do Relógio



O Pátio da Torre do Relógio é um dos diversos pátios da Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts. Ele dá acesso para a torre e o topo do relógio, que ficam no quarto e quinto andares, respectivamente. Pode-se dizer que o pátio é bem antigo, vários cantos deles estão em ruínas ou quebrados. Este pátio dá acesso para a ponte coberta e os terrenos de Hogwarts. Nesse pátio há uma bela fonte no meio, com 4 estátuas de pássaros nela.

É o pátio principal de Hogwarts, pois muitos alunos vêm aqui para conversar e relaxar. Além disso, é aqui que pegamos o caminho para o estádio de quadribol, corujal, cabana do guarda-caça, etc, inclusive é por aqui que os alunos vão a Hogsmeade. No pátio também há uma bonita árvore no canto, perto da fonte.



w w w . a c c i o h o g w a r t s . f o r u m e i r o s . c o m . p t

Staff
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Nenhum

Luck (Fortuna in Ludis)

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Marie R. Stonkovick em Qui 04 Dez 2014, 10:09


Conversa séria




- Qual o problema?  - ele perguntou  após se ajeitar no banco de pedra.

Eu nem sabia porque havia dito aquilo mas agora precisava concluir.

- Bom – eu disse indo até ele e sentei ao seu lado e peguei uma de suas mãos e isso fez ele me olhar completamente – eu não faço a mínima ideia do que é isso que nós temos, mas você me faz bem, faz me sentir feliz e parece que tudo de ruim desaparece. Não é uma declaração pra deixar claro – eu disse e ele sorriu assim como eu -  mas eu não me sinto feliz desde que James sumiu.

Eu dei uma brecha para ele falar mas parecia que alguém havia cortado a mesma então prossegui.

- Eu nunca achei que eu me aproximaria de alguém tão parecido comigo, mas eu sei que você é apaixonado pela Ems, por mais que não admita. – eu disse olhando em seus olhos.

Dei uma pausa para que ele pudesse falar.



tagged: ◄ post: 41
◄ notas: Klaus ◄ vestindo: Roupa
credits:[url=sugaravatars.forumeiros.com/u330]○ masquerade girl[/url] by sugar avatars




Just come to make me feel alive
- 15 - Come make a mess with me
Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 14
Casa:: Corvinal
Time: Morcegos de Ballycaste

Marie R. Stonkovick

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Nicklaus B. Sommers em Qui 04 Dez 2014, 12:44

Sad...



– eu não faço a mínima ideia do que é isso que nós temos, mas você me faz bem, faz me sentir feliz e parece que tudo de ruim desaparece. Não é uma declaração pra deixar claro - Naquele momento reparei algo, que havia de deixado surpreso e nao deixei de sorrir, eu realmente amava Marie, com todas implicâncias que tínhamos e tudo que ainda íamos ter, mas meu sorriso se desfez com apenas uma palavra. -  mas eu não me sinto feliz desde que James sumiu. - Aquilo havia doido, perceber que ela nao me amava me fez fechar a cara, ficou um silencio entre nos dois eu ja nao sabia o que falar.

- Eu nunca achei que eu me aproximaria de alguém tão parecido comigo, mas eu sei que você é apaixonado pela Ems, por mais que não admita. - Falou e acabei me lembrando de Emily, havia sido realmente apaixonado por ela, mas sabia que  aquilo jamais seria reciproco e com o tempo consegui parar de ama-la, apesar de ainda ter um grande carinho por ela. Estava amando Marie, mas pelo que havia percebido ela nao gostava tanto assim e aquilo havia realmente mechido comigo. - Primeiramente...  - Falei com a voz rica em tristeza - Eu nao amo mais a Emily, parei de ama-la a um tempo ja  - Falei e Marie ficou surpresa - Ainda tenho um enorme carinho por ela, mas nao desse jeito que voce pensa - Falei me levantando me afastando o maximo de Marie, sabendo que ela ainda amava James, me fez me esquivar

- Porem eu realmente nao admito algo, mas nao tem nada a ver com Emily - Falei e lhe encarei, minha cara agora estava seria, odiava nunca ser amado, talvez por eu ser ironico ou algo assim, fiquei afastado dela por um tempo olhando para o ceu, estava evitando olha-la ja que agora sabia que ela ainda gostava do outro corvino.


Fantasma

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 20
Casa:: Sonserina
Time: Vespas de Winbourne

Nicklaus B. Sommers

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Marie R. Stonkovick em Qui 04 Dez 2014, 13:43


Conversa séria




- Primeiramente...  – eu percebi que ele estava triste - Eu nao amo mais a Emily, parei de ama-la a um tempo ja  - fiquei surpresa com essa informação - Ainda tenho um enorme carinho por ela, mas nao desse jeito que voce pensa – Ele disse e se afastou de mim e isso machucou um pouco mas o que eu falei pareceu machuca-lo mais - Porem eu realmente nao admito algo, mas nao tem nada a ver com Emily.

- Vai se esquivar de mim? – disse me levantando, eu o havia magoado e isso me machucou – Você acha que eu não gosto de você? É isso? – eu perguntei retoricamente pois só de ele ter se afastado eu sabia que “sim” era a resposta – Você realmente não me conhece nem um pouquinho não é Nicklaus. – eu estava indignada por ele achar isso, ele tentou retrucar mas eu me pronunciei antes, e conforme alava me aproximava dele -  Se eu não gostasse de você eu não ficaria perto, não passaria um dia  com você, nem sequer salvaria você. Mas eu fico perto, passo meu dia com você e eu salvei você, duas vezes. – eu disse perto dele, eu torci para que ele não saísse dali e me deixasse falando sozinha – Mas você não entende né, o meu jeito, e o quão importante você é pra mim, e o quanto eu gosto de você. Você entre todos foi o único que me fez esquecer a dor de amar alguém que sumiu. Você simplesmente não entende.

Ele me interrompeu dizendo algo, algo como se eu tivesse o usado para esquecer James e neguei com a cabeça e disse:

- Eu não usei você e nunca usaria você. Eu to vendo você triste agora, e isso ta me machucando por dentro porque eu deixei você assim. – eu disse e fiz um carinho em seu rosto e o abracei, mas ele não retribuiu – vou entender completamente se você me empurrar e não quiser mais olhar na minha cara.

O soltei do abraço e fiquei parada em sua frente espero uma reação.



tagged: ◄ post: 42
◄ notas: Klaus ◄ vestindo: Roupa
credits:[url=sugaravatars.forumeiros.com/u330]○ masquerade girl[/url] by sugar avatars




Just come to make me feel alive
- 15 - Come make a mess with me
Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 14
Casa:: Corvinal
Time: Morcegos de Ballycaste

Marie R. Stonkovick

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por James C. Armstrong em Qui 04 Dez 2014, 19:18

Voltando para Marie
James - Emily - Nicklaus- Marie - Jack- Robert - Pensamentos



Havia acabado de voltar de um treino de vampiro, agora eu podia ser o maior vampiro de todos os tempos, sabia me controlar e ate conseguiria transformar alguém sem ter vontade de mata-lo. Estava pronto pára voltar e ver minha amada Marie novamente, com tanta saudade de beija-la, não podia estar mais feliz. Entrei em Hogwarts e informei a diretora sobre minha volta, logo em seguida deixei minhas coisas na comunal e ate cumprimentei os alunos de minha casa, logo em seguida comecei a procurar por minha amada pelo castelo inteiro. Iniciei a busca no salão principal com perguntas a alunos que nem conhecia.

Sai do castelo e fui procura-la pelas redondezas, acabei matando minha saudade do local junto com a busca. Procurei inicialmente na estufa seguida do salgueiro ate o lado. Parei um tempo no lago e logo decidi ir a torre do relogio talvez ela estivesse la. Caminhei lentamente com os olhos bem atentos ao lugar tentando ver qualquer fio loiro que pudesse ser de minha amada. Finalmente o cabelo mais lindo apareceu em meu campo de visao, porem algo havia me incomodado, Marie estava abraçada a um sonserino que me era desconhecido, me aproximei silencioso como uma aranha e esperei os dois se afastarem. O garoto me olhou e logo em seguida Marie, lhe dei um grande sorriso. - Oi Marie! Eu voltei... - Falei retirando das costas um buque de flores - Podemos conversar? - Falei e ela deu uma encarada para o colega que alias estava um tanto serio. Me aproximei dele e lhe estiquei uma de minhas maos - Prazer, James Crawford Armstrong - Falei com um tom de soberania, mostrando-o que seu interesse em Marie iria lhe trazer problemas e esperei sua resposta




[/color]



James Crawford Monreal Armstrong
People who make us happy, are never the people who we expect...
Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 14
Casa:: Corvinal
Time: Tornados de Tutshill

James C. Armstrong

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Nicklaus B. Sommers em Qui 04 Dez 2014, 19:42

Corvino a vista



– Vou entender completamente se você me empurrar e não quiser mais olhar na minha cara. - Falou enquanto me abraçava, meu coraçao estava acelerado, pus minhas maos em suas costas, nao conseguia ficar sem ela, mas sabia que ela ainda gostava do corvino e nao entendia por que essa conversa tinha vindo a tona naquele momento, ela se afastou de mim. Eu estava tentando segurar as lagrimas, pôs odiava ser visto triste, estava pronto para dizer o quanto eu a amava. - Marie... - Porem minha frase foi cortada quando olhei para suas costas e vi o corvino que menos desejava que estivesse ali. Marie olhou e em seguida ele se aproximou dela com um buque, olhei para o lado para disfarçar minha raiva.

Ela voltou a me olhar, mas ela viu que eu nao estava gostando da situaçao, o corvino se aproximou de mim e estendeu a mao, olhei para sua mao e em seguida lhe encarei. - Prazer, James Crawford Armstrong - Falou com um tom arrogante em sua voz, lhe encarei e continuei com a mao abaixada, Marie olhava medo nervosa, talvez estivesse com medo de que rolasse alguma briga. - Me desculpe, - Falei com meu sotaque - Nao sou nem um pouco educado - Falei e o vi abaixar a mao quando percebeu que eu nao iria apertar. Ele me deu um sorriso arrogante e logo voltou-se para Marie, pedindo para conversar com ela. Acabei deixando uma lagrima aparecer, mas rapidamente a seguei. Respirei fundo e pus  as maos no bolso da capa e comecei a andar. - Voces dois precisa conversa pelo que vejo - Falei me distanciando com dor no coraçao

Fantasma

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 20
Casa:: Sonserina
Time: Vespas de Winbourne

Nicklaus B. Sommers

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Marie R. Stonkovick em Qui 04 Dez 2014, 20:15


Um volta, e outro vai




- Marie...  – Klaus iria falar mas algo o atrapalhou, ele não me olhava mais ele estava fitando algo atras de mim.

- Oi Marie! Eu voltei... – eu ouvi alguém atras de mim, aquela voz me parecia familiar, muito familiar mesmo. Ao me virar vejo James, meus olhos embaçam, mas eu não deixo as lagrimas caírem. Ele tirou um buquê de flores e me entregou - Podemos conversar? – Olhei para Nick, eu não sabia como agir, eu tinha vontade de chorar e sair correndo me esconder.  James estendeu uma mão para cumprimentar Klaus - Prazer, James Crawford Armstrong – o tom de soberania na voz de James era mais do que claro.

Klaus não aceitou o cumprimento de James, e assim manteve sua mão baixa, eu intercalei olhares entre os dois, estava com medo de que saíssem na porrada ali literalmente.

- Me desculpe, - O sotaque de Klaus apareceu mais do que sempre, mas a raiva em sua voz era mais que perceptível. - Nao sou nem um pouco educado. – eu não havia me pronunciado desde que eu vi James, logo ouço Nick - Voces dois precisa conversa pelo que vejo – ele diz e sai andando.

- Nick volta aqui – eu dei alguns passos – Nicklaus! – eu gritei mas ele não parou de andar assim se distanciando ainda mais de mim. Olhei para James e encarei ele – E você! Sumiu. Não mandou uma noticia. E do nada chega assim e diz “Oi Marie! Eu voltei”? – eu lhe entrego o buquê e torno a dizer alto – as flores são lindas mas você não pode simplesmente sumir e voltar quando bem entende. Eu era sua namorada. – eu dei uma ênfase bem grande no “era” – me perdeu no dia que sumiu. Eu amava você e você sabia que eu não podia perder nada nem ninguém. Não vou voltar com um buquê e uma piscada de olho– olhei para a direção em que Klaus saiu e nada dele – Desculpa mas eu não quero falar com você agora.

Fui correndo em direção a torre do relógio para ver se Nicklaus estava lá.




tagged: ◄ post: 43
◄ notas: Klaus e James ◄ vestindo: Roupa
credits:[url=sugaravatars.forumeiros.com/u330]○ masquerade girl[/url] by sugar avatars




Just come to make me feel alive
- 15 - Come make a mess with me
Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 14
Casa:: Corvinal
Time: Morcegos de Ballycaste

Marie R. Stonkovick

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por James C. Armstrong em Qui 04 Dez 2014, 20:32

Beijo de saudades
James - Emily - Nicklaus- Marie - Jack- Robert - Pensamentos



Aquelas palavras me machuram bastante, sabia que eu havia feito mal em deixa-la e nem se quer lhe dar uma explicaçao, mas eu queria ser algo bom para ela, alguem que pudesse protege-la. Ela estava indo atras do outro e isso me deu um desespero, corri ate ela e a puxei pelo braço trazendo-a de volta para perto de mim. Lhe segurei pela cintura, deixando nossos corpos bem juntos. - Sei que vacilei Marie, mas tudo que fiz foi por voce - Falei mas Marie nao acreditou em nenhuma palavra - Eu queria ser forte o suficiente para ter garantia que jamais iria se machucar ao meu lado - Falei e ela parou de tentar sair de minhas maos, talvez por estar surpresa ao que eu havia dito. Era tudo verdade, sendo agora um vampiro forte, eu poderia proteger Marie de qualquer mal que pudesse ameaça-la e assim me sentiria confiante.

Me lembrei do dia na casa de Enzo onde nao fui capaz de protege-la por completo, aquilo aflitava meu coraçao todas as veze sque lembrava. - Me desculpe por ter sumido assim, mas estou aqui agora, para te fazer feliz como nunca! Jamais vou te abandonar! Nunca mais! - Falei e peguei no mesmo instante em sua nuca e me aproximei de seu rosto lhe dando um beijo que mataria toda a minha saudade que tinha dela. Aquele beijo parecia magia pura de tao perfeito que estava, depois de um tempo a soltei e peguei o buque de novo e lhe entreguei. - Eu te amo tanto... Volta comigo Marie! -Perguntei e esperei que ela me respondesse.




[/color]



James Crawford Monreal Armstrong
People who make us happy, are never the people who we expect...
Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 14
Casa:: Corvinal
Time: Tornados de Tutshill

James C. Armstrong

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Marie R. Stonkovick em Qui 04 Dez 2014, 21:06


Voltar?



me seguiu e me puxou pelo braço e me segurou pela cintura, exatamente como Klaus me segurava. Aquilo me deixou desconfortável. Encarei James enquanto o ouvi falar.

- Sei que vacilei Marie, mas tudo que fiz foi por você – eu não estava acreditando um uma palavra sequer, e assim tentava me soltar dos braços dele - Eu queria ser forte o suficiente para ter garantia que jamais iria se machucar ao meu lado – eu fiquei surpresa com isso. Eu do nada parei de tentar me soltar dele. - Me desculpe por ter sumido assim, mas estou aqui agora, para te fazer feliz como nunca! Jamais vou te abandonar! Nunca mais! – ele disse e sua mão passou pela minha nuca e ele se aproximou e beijou-me. Eu retribui involuntariamente. Ele me soltou e pegou o Buquê e me entregou novamente - Eu te amo tanto... Volta comigo Marie!

- Não foi por mim! - eu lhe disse, eu estava nervosa pelo beijo, por ele ter voltado - eu nunca pedi para que você fosse forte para me proteger. - eu disse e senti que eu estava o magoando, mas e quanto a mim?  - enquanto você estava sendo forte eu tava aqui chorando pelos cantos preocupada pensando em como você estaria. Enquanto você tava tentando ser mais forte para me "proteger" eu fui sequestrada por um comensal, que diz estar apaixonado por mim. Isso tudo foi por você - eu disse e me afastei mais de James- Eu... eu estou ficando com o Nicklaus– eu não queria magoa-lo como acabara de fazer com Nick mas não queria lhe dar falsas expectativas – eu gosto dele. Nesse tempo ele me fez bem. Ele me faz me sentir completa tanto quanto você. Então não posso voltar com você. Eu não posso magoar ele, não mais do que eu magoei.

Eu ainda segurava o buquê, e esperei que ele dissesse algo mais



tagged: ◄ post: 44
◄ notas: James ◄ vestindo: Roupa
credits:[url=sugaravatars.forumeiros.com/u330]○ masquerade girl[/url] by sugar avatars




Just come to make me feel alive
- 15 - Come make a mess with me
Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 14
Casa:: Corvinal
Time: Morcegos de Ballycaste

Marie R. Stonkovick

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por James C. Armstrong em Qui 04 Dez 2014, 21:17

Explicaçao
James - Emily - Nicklaus- Marie - Jack- Robert - Pensamentos



- Voce esta certa - Falei e ela ergueu uma sobrancelha, abaixei a cabeça e olhei para o chao por um momento. - Eu queria me tornar mas forte, por mim, mas o motivo foi voce - Falei e ela cruzou os braços, talvez tenha entendido que ela seria a culpada, mas lhe olhei e segurei sua mao. - Ver naquele dia do enzo, aquela comensal te machucando... - Falei me aproximando mais de seu rosto. - Me fez tao mal... Me senti um inutil em nao poder te ajudar - Falei e ela tentou falar algo, mas eu acabei nao lhe permitindo. - Sei que fiz mal em ir, mas eu estava agoniado em ver que algum dia voce podia morrer estando ao meu lado - Falei e logo ela fez silencio de novo.

Fiquei em silencio por uns minutos olhando para baixo, o medo de perder-la me atormentava, agora tudo que eu havia feito parecia tao idiota, mas na hora parecia o ideal, voltei a olha-la - Entendo que nao queira ficar comigo, que esta brava, que esteja gostando de outro... Mas nao negue que ainda sente algo por mim! - Falei e ela ficou um silencio desviando o olhar, me aproximei de seu rosto novamente e encostei minha testa na dela, ela me olhou nos olhos e eu nos do dela - Vou lutar por voce Marie! Nem que seja a ultima coisa que eu faça!







James Crawford Monreal Armstrong
People who make us happy, are never the people who we expect...
Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 14
Casa:: Corvinal
Time: Tornados de Tutshill

James C. Armstrong

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Marie R. Stonkovick em Sex 05 Dez 2014, 09:54


No, i don't wanna back..



Ele segurava minha mão e se explicava. Eu escutava mas minha cabeça não estava ali, estava pensando em Klaus, no que ele estava sentindo, no quanto eu o magoei. Nesse momento meus pensamentos foram quebrados ao sentir James colocar sua testa na minha e dizer:

- Entendo que nao queira ficar comigo, que esta brava, que esteja gostando de outro... Mas nao negue que ainda sente algo por mim! – eu estava com as mãos para baixo, ele ainda com a testa na minha voltou a falar - Vou lutar por voce Marie! Nem que seja a ultima coisa que eu faça!

- Faça como quiser – eu disse me afastando dele – e eu não neguei que sinto algo, porque eu sinto. Mas a raiva que e tenho agora é maior que qualquer coisa boa que eu possa sentir em relação a isso, em relação a nós. – eu lhe dei o buquê novamente e disse – você podia ter se tornado forte junto comigo. E não longe de mim. – eu disse e lhe dei as costas agora andando calmamente para a torre do Relógio.



tagged: ◄ post: 45
◄ notas: James ◄ vestindo: Roupa
credits:[url=sugaravatars.forumeiros.com/u330]○ masquerade girl[/url] by sugar avatars




Just come to make me feel alive
- 15 - Come make a mess with me
Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 14
Casa:: Corvinal
Time: Morcegos de Ballycaste

Marie R. Stonkovick

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por James C. Armstrong em Sex 05 Dez 2014, 18:49



Decisao



– você podia ter se tornado forte junto comigo. E não longe de mim. - Marie falou e se retirou, fiquei olhando-a se afastar enquanto segurava o buque que ela havia rejeitado. Olhei para o buque e em seguida  para o horizonte a minha frente. Me sentei em um banco e fiquei olhando o buque negado por minha amada. Pensando em como iria conseguir seu amor por mim de volta. Respirei fundo e fechei os olhos por um momento, eu havia voltado justamente por ela e nao iria perde-la de nenhum jeito. Me levantei e decidi ir ao salao principal comer algo, aproveitar e encontrar alguns amigos que nao via a tempos. Nao vou desestir de voce! Irei lutar nem que eu precise matar alguem! Pensei enquanto caminhava em direçao ao salao principal para ver se encontrava algum amigo.

Marie NicklausRobertEmilyMilenaJackPensamento
thanks juuub's @ cp!  



James Crawford Monreal Armstrong
People who make us happy, are never the people who we expect...
Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 14
Casa:: Corvinal
Time: Tornados de Tutshill

James C. Armstrong

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Patrícia Aslan em Qua 10 Dez 2014, 12:20

Engolindo o Orgulho

Eu havia descido até o Salão Principal, estava faminta após ter passado a noite mais rolando de um lado ao outro da cama do que dormindo. Caminhei calmamente até a mesa da Grifinória e me sentei, havia uma infinidade de comidas das mais variadas formas e aromas, sorri e peguei um pedaço de bolo de chocolate e um copo de suco de uva.

Assim que me alimentei resolvi andar por Hogwarts, precisava espairecer um pouco. Resolvi ir até o pátio da torre do relógio, lá normalmente era o lugar mais vazio de Hogwarts. Estava perdida em meus pensamentos, mas especificamente no que acontecera ontem, quando desviei o olhar para o pátio, Emily estava sentada em um banco, lendo um livro. Desviei o olhar, pretendia sair dali, mas aquilo ainda me incomodava, voltei a encará-la e fui até ela.

- Emily... Precisamos conversar!

- Não acho que haja.

Antes que ela continuasse a falar eu me sentei ao lado.

- Me desculpe!

- O que?

Ela estava completamente perdida, eu sentia que começava a ficar nervosa, sem saber o que falar, então comecei a falar antes que me perdesse naquele discurso também.

- Sinto muito pelo que disse e fiz ontem! Não é culpa sua o Jack querer deixar a família que esteve com ele até o ano passado, não culpa sua nem da sua família, mas queria que entendesse como me senti como irmã dele, é humilhante e muito triste. Mas isso não é razão para descontar em você. Bom, eu só queria dizer isso.

Me virei para sair, mas Emily começou a falar, me fazendo voltar a olhar para ela.
LEGENDA

Narração
Patrícia Aslan
Emily M. Watsgrint


Fantasma
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 3
Casa:: Grifinoria
Time: Tornados de Tutshill

Patrícia Aslan

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Emily R. Watsgrint em Qua 10 Dez 2014, 18:37

Desculpas?





Após rever Robert, sua cabeça já estava explodindo de pensamentos, ruins a maioria, caminhou ate a biblioteca e entrou em silencio, foi a sessão de culinária bruxa e pegou o primeiro livro que viu. Nem estava afim de escolher um livro interessante, estava apenas querendo pegar algo para poder ocupar a cabeça. Saiu da biblioteca com o livros em mãos e decidiu ir ao local onde sempre ia quando precisava ficar sozinha. Após subir as escadas pensando em quanto havia emagrecido no ano inteiro só por subir e descer as escadas de Hogwarts. Se sentou em um dos bancos e encostou na parede. Abriu o livro e começou a ler a receita do preparo de um bolo que tinha a habilidade de falar. Achou um tanto engraçado no começo, mas voltou a ler seriamente enquanto pensava em preparo-lo no natal. - Emily... Precisamos conversar! - Falou e Emily olhouy para cima, Patricia estava parada em sua frente, naquele momento teve uma tremenda vontade de dar um tapa na cara da menina, porem abaixou a cabeça e voltou a ler o livro.

- Não acho que haja. - Falou olhando para o livro na esperanca de que a menina fosse embora, deixando-a em paz. - Me desculpe!   - Falou se sentando ao lado da corvina que deu um pulinho para o lado para ficar um pouco suficiente. Fingiu nao ter escutada, estava muito brava pelo beijo e se fez de desentendida - O que? - Falou olhando para a grifina com um olhar de reprovação. Patricia comecou a pedir desculpas pelo jeito que havia falado com Emily na ala hospitalar, se desculpou por ter jogado sua raiva em cima da menina, mas Emily nem estava incomodada com aquilo e sim com o beijo. Olhou seu livro por um momento, nao queria mais ouvir nada de Patricia. Assim que a grifina se levantou para ir embora, Emily lhe olhou, nao aguentava mais ficar quieta.

- Eu exagerei com voce tambem na ala! - Falou e a menina lhe olhou - Por isso nao fiquei chateada com tudo aquilo que me disse - Falou e viu Patricia soltar um sorriso, parecia aliviada, mas para Emily era o contrario, Emily nem se quer deu um sorriso. - Agora, beijar o Robert na minha frente.... - Falou e viu a menina desfazer o sorriso de alivio - Isso eu no quero nem discutir - Falou e dava para ver a raiva sair de seus olhos. Voltou a se sentar e abrir seu livro. - Espero que saiba, que voce beijou a pessoa que atacou seu irmao! - Falou, com a voz pesada de raiva, voltou a ler o livro em suas maos, porem deixou um ouvido atento para qualquer coisa que Patricia dissesse.

Nicklaus JackMariePensamentosIsabelleComensalRupert  ✖ AlexiaPatricia  ✖ Robert





Emily Watsgrint
Robb
 
Monitora Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 23
Casa:: Corvinal
Time: Tornados de Tutshill

Emily R. Watsgrint

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por James C. Armstrong em Qui 25 Dez 2014, 15:42



Louca de Pedra



- Se eu nao fosse seu amigo, diria que voce é louca! - Falei me aproximando de Emily que me olhou e soltou um sorriso. Caminhou ate ela e se sentou ao seu lado com um sorriso de lado. - Falando sozinha com os braços para cima? - Perguntou ironicamente para a menina que riu e fechou o livro. - Bela briga que voce arrumou ein! - Falou e Emily lhe encarou com um olhar provocante, estava mais bonita do que o costume, mas deixou seus pensamentos de lado. - Estava me espionando? - Perguntou com um sorriso bobo e fofo no rosto, dei uma gargalhada alta e logo voltei meu olhar para ela. - Observando apenas - Falei e ela soltou um sorriso e se virou para o  outro lado.

Fiquei em silencio por um tempo, tinha escutado toda a briga dela com Patricia, sabia que era por causa de Robert, apesar de ser amigo do sonserino, o que ele fazia com Emily era errado. Voltei a olha-la, ela estava se segurando muito, se eu estava destruido por dentro, por Marie nao ter me escolhido, imagina Emily que Robert ainda brincava com seus sentimentos. - Ems, nao vai me contar o que houve aqui? - Perguntei e logo ela voltou seu olhar para mim.

James Marie NicklausRobertEmilyMilenaJackPensamento

thanks juuub's @ cp!  





James Crawford Monreal Armstrong
People who make us happy, are never the people who we expect...
Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 14
Casa:: Corvinal
Time: Tornados de Tutshill

James C. Armstrong

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Emily R. Watsgrint em Qui 25 Dez 2014, 19:42

Dialogo





- Quer mesmo ouvir a historia dramatica de uma adolescente? - Perguntou ironica e ele afirmou com a cabeça rindo, Emily riu e fechou seu livro marcando a pagina onde estava. - Bem - Falou olhando pro ceu fingindo estar lembrando o que iria dizer. - Amo um sonserino arrogante que agora nao me quer mais! - Falei olhando para o horizonte - Patricia, que achei que era minha amiga, me odeia porque fui sincera - Falou e logo voltou seu olhar para James, que lhe olhava com um olhar penetrante, seus olhos eram azuis de um jeito muito bonito. - Acho que só tenho meu irmao e voce - Falou sorrindo para o amigo.

Olhou James, ele estava com um sorriso de compreensao no rosto, Emily se aproximou e deitou no seu colo, ele soltou um sorriso, fazia tempo que nao conversava com ele, desde seu sumiço, havia esquecido como ele era preocupado com os amgios. - E voce? - Perguntou e viu James abaixando a cabeça para olha-la em seu colo - Me conte como esta lidando com a perda da Marie? - Perguntou e esperou o amigo responder.

Nicklaus JackMariePensamentosIsabelleComensalRupert  ✖ AlexiaPatricia  ✖ RobertJames





Emily Watsgrint
Robb
 
Monitora Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 23
Casa:: Corvinal
Time: Tornados de Tutshill

Emily R. Watsgrint

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por James C. Armstrong em Sex 26 Dez 2014, 15:31



Conselho



- Me conte como esta lidando com a perda da Marie? - Falou e logo meio sorriso saiu, abaixei a cabeça e lhe olhei nos olhos, Emily sempre fora uma menina muito bonita e com carinha fofa, olhei para o horizonte e logo respirei fundo, passei minha mao em seu cabelo enquanto ela ficava deitada no meu colo. - Bem, tenho que aceitar que ela nao me quer mais correto? - Falei e olhei para Emily que afirmou com a cabeça, lhe dei um sorriso e logo olhei novamente o horizonte. - Tenho que seguir em frente, mesmo que esteja sendo dificil - Falei com um olhar triste nos olhos, senti um carinho em meu cabelo, Emily agora estava me fazendo um cafuné.

Era um cafuné gostoso, estava quase fechando os olhos de tao bom que estava, os dois sofrendo por amor, quem diria que iriamos estar ali ouvindo os problemas um do outro e dando conselhos, sorri após esse meu pensamento, abaixei a cabeça novamente olhando Emily nos olhos, seus olhos estavam um castanho bem claro naquela tarde. - E voce, quando vai parar de correr atras do sonserino e vai seguir em frente? - perguntei e vi que ela ficou pensativa.Estava prestes a falar algo, mas lhe enterrompi continuando minha frase. - Edward gosta de voce! Deveria dar uma chance - Falei tentando adiantar o lado para meu colega. Emily pensou um pouco e logo em seguida falou

James Marie NicklausRobertEmilyMilenaJackPensamento
[color=#4E4E7A][color=#4E4E7A][color=#4E4E7A]



James Crawford Monreal Armstrong
People who make us happy, are never the people who we expect...
Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 14
Casa:: Corvinal
Time: Tornados de Tutshill

James C. Armstrong

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Emily R. Watsgrint em Dom 28 Dez 2014, 01:57

conversinha





- E voce, quando vai parar de correr atras do sonserino e vai seguir em frente? - Falou e Emily olhou para o horizonte, sabia que James tinha razao, tinha que esquecer Robert, mas ela ja tentar tantas vezes e nunca conseguiu, mesmo com seu sumiço sem noticias continuou amando-o. - Edward gosta de voce! Deveria dar uma chance - James falou e logo Emily lhe olhou, sempre achou Edward um rapaz bonito e sexy, mas Robert sempre estivera em seu pensamento primeiro. Já havia tentado gostar de Edward depois de alguns rolos com Robert, mas acabou que nao conseguiu. Lembrou-se dos momentos bons que teve com Edward e logo deixou um sorriso escapar. - Edward é legal e gato, nao podemos discordar - Falou sorrindo - Mas eu nunca consigo esquecer o Robert! Ja tentei, mas nao consigo!

Falou e James respirou fundo e falou que algum dia iria conseguir esquece-lo, Emily se levantou e encarou o amigo. - Nem quando ele nao estava aqui eu consegui, mesmo que tentasse algo com o Ed nao iria conseguir. - Falou e James voltou a ficar quieto, Emily deitou em seu colo novamente e ficaram em silencio por alguns minutos. - Sem falar que Julie gosta do Ed, jamais a machucaria de proposito! - Falou olhando para James, ele acenou com a cabeça e logo Emily voltou a falar. - Mesmo que ela nao gostasse, jamais usaria alguem para esquecer outra, so namoraria o Ed se eu realmente gostasse dele. - Falou e James concordou. - Belas palavras! - Falou  Emily sorriu, James chegara a fazer uma voz um tanto engraçada. - Quando eu esquecer o Robert, ai sim procuro um novo amor! Ate la, ficarei no meu canto sofrendo em silencio. - Falou e sentiu James fazer um carinho em sua cabeça - Idem! - Falou e logo Emily se levantou do seu colo e segurou sua mao. - Nem te perguntei, vai na ceia? - Perguntou e esperou o menino responder

NICKLAUSJACK EDWARD  ✖ MARIEPENSAMENTOS ISABELLE COMENSAL RUPERT  ALEXIA PATRICIA  ✖ ROBERT  VICTÓRIA  JAMES





Emily Watsgrint
Robb
 
Monitora Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 23
Casa:: Corvinal
Time: Tornados de Tutshill

Emily R. Watsgrint

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por James C. Armstrong em Dom 28 Dez 2014, 15:16



Fim de papo



- Esta me chamando para ser seu par na ceia? - Brinquei com Emily, ela sorriu e negou com a cabeça falando que só queria saber mesmo se eu iria, sorri para ela e dessa vez quem se deitou no colo fui eu, fiquei olhando-a de baixo enquanto ela me olhava de cima. - Nao sei, nao quero ver Marie e o coisa la! - Falei um tanto serio e pensativo. Ela me fez um carinho no cabelo e entao sorri para ela, ela pediu para que eu fosse, talvez ela nao quisesse enfrentar o sonserino sozinha. Soltei um sorriso, conversar com ela me fazia bem, afirmei com a cabeça de que iria e vi ela ficar animada. Olhei por uns minutos o horizonte e logo em seguida voltei meu olhar para ela. - Irei me sentar ao seu lado! - Falei e ela afirmou com a cabeça concordando - E depois me encontre na festa da Sutton! - Falei sorrindo, ela afirmou com a cabeça e logo voltei a olhar o por do sol junto a Emily ate dar a hora de termos que voltar para dentro do castelo.

James Marie NicklausRobertEmilyMilenaJackPensamento

thanks juuub's @ cp!  





James Crawford Monreal Armstrong
People who make us happy, are never the people who we expect...
Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 14
Casa:: Corvinal
Time: Tornados de Tutshill

James C. Armstrong

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Robert S. Winchester em Seg 26 Jan 2015, 16:05







Conversa com James


Havia outras poltronas nos cantos da sala, um pouco confortáveis, com uma coloração acinzentada, mas eu já estava cansado de ficar na comunal, por isso saí de lá quase como um zumbi, subias escadas lentamente comendo um doce que tinha dentro de um pacotinho que nem eu sabia do que era.
Eu usava apenas uma calça jeans preta simples e uma camisa largada, vermelho-sangue, sem nenhuma estampa. Quase fiquei cego quando cheguei perto da porta de entrada do castelo, não havia saído da comunal nem para tomar café, nem para um almoço decente, por isso tive que colocar a mão na frente do rosto para me proteger da claridade.
Haviam várias pessoas por ali, umas sentadas lendo, outras andando apressadamente, tinha até um casal se pegando calorosamente. Resolvi andar sem rumo, caminhar de forma distraída se tornara uma especialidade minha, embora antes aquilo me fazia esbarrar com um ou outro aluno constantemente, parei e observei onde estava, estava no Pátio do Relógio.
Notei que havia um garoto ali, olhando fixamente para o nada, talvez pensando em alguma coisa, caminhei até ele de forma calma.
- Como vai James? - sorri e acenei - Faz tempo que não nos encontramos não é mesmo?
Ele me cumprimentou de volta, me apoiei em uma mureta próximo a ele. James e eu não éramos próximos a ponto de nos chamarmos de grandes amigos, eu classificava nossa relação como companheiros de uma mesma escola, colegas, talvez amigos, mas como já havia definido antes, eu não tinha absolutamente nada contra James, muito pelo contrário, o considerava até um bruxo de grande potencial, do tipo que seria intensamente divertido de se enfrentar, mas sabia que só não éramos próximos por que não nos falávamos muito.
- Então, como vão as coisas entre você e Marie? - falei o encarando - Posso estar enganado, mas acho que vi você roubando olhares a minha irmã outro dia...
Deixei o comentário no ar, James me encarou, então respondeu.


Legenda:

Narração   ɸ ɸ ɸ Robert S. Winchester ɸ ɸ ɸ James C. Armstrong





ɸ Slytherin ɸ

Robert S. Winchester
Monitor Sonserina
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 26
Casa:: Sonserina
Time: Morcegos de Ballycaste

Robert S. Winchester

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por James C. Armstrong em Seg 26 Jan 2015, 19:42



Little Talk



- Como vai James? - Era uma voz conhecida, virei a cabeça e vi Robert se aproximando de mim. - Faz tempo que não nos encontramos não é mesmo? - Falou, estiquei minha mao e apertei fortemente a sua lhe dando um sorriso, ele se apoio na mureta ao meu lado, eu pensava sobre o que Nathalie iria fazer, se seria errado eu nao estar tentando impedi-la, mas com a chega de Robert meus pensamentos voaram para longe. - Então, como vão as coisas entre você e Marie? - Falou e me lembrei que eu havia destruido seu namoro com Nicklaus por puro prazer, revirei os olhos para Robert, pelo jeito Marie seria passado desde o que eu havia feito.

- Posso estar enganado, mas acho que vi você roubando olhares a minha irmã outro dia... - Falou antes que eu pudesse falar qualquer coisa sobre Marie, olhei primeiramente estranho, mas depois me lembrei que Robert considerava Julie sua irma. Julie era encantadora, nao podia negar, mas naquela situaçao o ideal seria provocar Robert. - Nao lembro de voce ter uma irma - Falei sorrindo para ele, ele sorriu tambem e logo voltei a falar impedindo-o de falar algo. - Notei que voce também roubou  olhares da Emily outro dia - Falei e gargalhei para ele, assim que cessei minha gargalhada voltei a le olhar. - Julie é linda mas relaxa nao tenho intençoes com a Julie - Falei sorrindo para ele e esperei ele falar algo.



James Marie NicklausRobertEmilyMilenaJackPensamentoEdwardNathalie
thanks juuub's @ cp!  



James Crawford Monreal Armstrong
People who make us happy, are never the people who we expect...
Corvinal
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 14
Casa:: Corvinal
Time: Tornados de Tutshill

James C. Armstrong

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Nicklaus B. Sommers em Qui 05 Fev 2015, 17:37

Invitation



Assim que despertei me levantei e caminhei ate o banheiro, sem camisa, mostrando meu adorável corpo sarado, escovei o dente e em seguida vesti minhas vestes escolares, sai da comunal calmamente, enquanto caminhava pelo corredor do terceiro andar procurando por minha linda namorada que ja estava acordada perambulando por Hogwarts, um ser voador bateu em minha cara me fazendo cair no chao. - Coruja cega! - Falei olhando para minha propria coruja que havia me atacado, olhei para ela e a vi com uma carta. Me aproximei dela e dei um pequeno e leve tapa em sua cabeça e ela piou fofamente para mim.

- Devia ter comprado uma feia, para nao ter pena das burradas que tu faz - Falei tirando de seu pé o pequeno pergaminho, imaginei que fosse uma resposta de Ryujii, mas era uma carta de Alexia, informando sobre o baile que seria no dia seguinte. Um pouco atrasado a informação, pensei enquanto lia, por sorte já tinha meu terno dos bailes seguintes. Me levantei e peguei a coruja no colo e a pus na janela ao qual ela havia entrado em seguida dei meia volta e voltei a procurar Julie agora alem de procura-la por saudade iria procura-la para lhe fazer um convite.

Ja estava procurando minha amada no quarto andar, no patio para ser mais exato, ela conversava com alguém, me aproximei e lhe abracei por trás enquanto cumprimentava a amiga que estava a sua frente. - Oi, pode dar licença dois segundos? - perguntei simpaticamente e a menina afirmou com a cabela andando um pouco mais para  a frente, soltei Julie e me posicionei a sua frente. - My love, após ser atacado por minha propria coruja - Falei sorrindo e mostrando o pergaminho do convite, ela nao parecia surpresa, talvez ja tivesse recebido tambem - Vim aqui lhe convidar para ser minha dama de Honra nessa linda festa - Falei me aproximando dela e pondo minha mao em seu rosto puxando-a para um beijo. Lhe soltei e dei um beijo em sua bochehca. - Aceitaras ne? - perguntei sorrindo e esperei ela falar alguma coisa.


Fantasma

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 20
Casa:: Sonserina
Time: Vespas de Winbourne

Nicklaus B. Sommers

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Julie V. Wanderwood em Qui 05 Fev 2015, 19:06






Convite aceito!


Eu acordei e tomei um banho, terminei e coloquei uma roupa e fiquei na frente da penteadeira arrumando o cabelo, e lembrando do que acontecera algumas horas atrás, tudo parecia um sonho, estava tudo começando a dar certo. Depois de terminar de arrumar meu cabelo desci para dar uma volta pela a escola, ou melhor iria para o pátio da torre, fui informada que alguém queria me conhecer, alguém que ajudou a procurar a cura para a epidemia que me atingiu, e claro fiquei curiosa, a única coisa que eu sabia era que a pessoa era uma lufana. E dos que eu conhecia a maioria gostava do pátio da torre.

- Então você é a Julie – disse alguém atras de mim que me fez dar um pulo de susto – desculpe não quis te assustar, sou Katherine, mas me chame de Kattie por favor.

- Sem problemas Kattie, vejo que já sabe meu nome  então dispensarei apresentações – ela sorriu e eu também. – fiquei sabendo que você ajudou a procurar a cura com alguns amigos meus, te agradeço muito.

- Eu ajudei um pouco mas Marie achou perigoso de mais para muitos continuarem.. ela estava bem preocupada na época, tudo que ela pensava era em salvar você – eu sorri, e lembrei que eu teria que ter uma conversa com Marie, sobre mim e Nick.

Antes que eu pudesse fazer algum comentário, alguém me abraçou por trás, e pelo perfume percebi que era Nicklaus, o namorado mais lindo do mundo. Ele pediu licença para poder falar comigo.

- Depois terminamos essa conversa Kattie, eu te procuro ok? – ela assentiu e cumprimentou Nick e saiu.

- My love, após ser atacado por minha própria coruja – eu ri e ele sorrindo me mostrou o convite para o baile eu não havia recebido o convite porém pelos corredores era só sobre o que falavam. – Vim aqui lhe convidar para ser minha dama de Honra nessa linda festa  - eu sorri e enquanto retribuía o beijo de Nick, assim que me soltou me deu um beijo na bochecha e eu continuei sorrindo - Aceitaras ne?

- Claro que sim meu amor – eu lhe passei os braços por sua nuca e lhe dei vários selinhos seguidos – Não perderia a chance de mostrar pra todos na escola que eu estou namorando o mais belo de todos os cavalheiros. – eu disse enquanto mexia em seu cabelo.

Legenda: Eu Nicklaus Kattie
clothes: LINK AQUI
tks, clumsy@sa!


Julie Wanderwood


“So love me like you do, lo-lo-love me like you do love me like you do, lo-lo-love me like you do touch me like you do, to-to-touch me like you do what are you waiting for?”
Monitora Sonserina
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 19
Casa:: Sonserina
Time: Harpias de Holyhead

Julie V. Wanderwood

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Robert S. Winchester em Sex 27 Mar 2015, 14:13





Conversa com Victória


Os dias ultimamente estavam frios graças ao Inverno, minha estação favorita, uma pequena camada neve ainda cobria as torres do castelo, mas iam derretendo-se conforme o calor da primavera chegava. Caminhava em passos lentos, tentando esquecer meus problemas, esfregava uma das mãos contra a outra, subi alguns andares, vasculhando por entre salas, na vaga esperança de que encontrasse algo bom o suficiente para me distrair, passei por uma porta e me vi no pátio do relógio, não fazia ideia de quanto tempo não ia ali.
Caminhei até uma pedra a certa distância e me sentei nela, havia alguns alunos ali, na verdade Hogwarts começara a realmente ficar cheio, afinal na segunda semana de aulas a maioria dos alunos já se habituaram com os horários, o que fazia com que voltassem a vagar pela escola. Olhei para cima, encarando as nuvens, parecia que seria um bom dia, mas eu não confiava muito naquilo, meus dias tendiam a se tornar fracassos ou estresses.
Encarei a garota que se aproximava de mim com um enorme sorriso, praguejei e aguardei ela se aproximar, ela parou perto de mim sorrindo.
- Victória... Que bom ver você.
- Você já mentiu melhor! – ela disse se sentando ao meu lado – Mas não me importo que me trate assim, cedo ou tarde aceitará nosso amor!
- Estou com você obrigado... Mas não estou com ânimo para discutir isso... – a encarei – Na verdade, se eu descobrir que você anda mentindo e citando meu nome eu realmente permitirei que Circe te visite...
- Então é verdade? A cobra que ronda a escola é sua?
- É um Basilisco! E não haja como se não soubesse... – espreguicei – Sabe disso desde os caçadores...
- Verdade... – ela me encarou – Mas não é como se eu tivesse mentindo.
- Também não é como se falasse a verdade!
Ela me encarou, eu bufei, embora eu não me lembrasse exatamente do que ocorrera após Victória realizar o ritual e salvar minha vida, era fato que acordamos juntos na manhã seguinte, era fato também que eu não tinha peça de roupa alguma comigo, ela tampouco, mas eu não podia afirmar que fizemos algo, embora também não pudesse negar.
- Até que eu me recorde do que realmente houve esse assunto está encerrado!
- Certo... – ela sorriu e se aproximou – Mas o que impede de abrirmos uma pauta e trouxermos a lembrança de forma mais... Viva...
Encarei os olhos de pura malicia de Victória, ela podia ser de uma família onde eu detestava cada membro, podia ser arrogante e pretenciosa, encrenqueira, além de uma perfeita chantagista, e jamais poderíamos esquecer de manipuladora, mas uma coisa eu tinha que admitir, a garota era pura tentação.
- Desculpe cortar seus embalos de sábado à noite... Mas tenho outros planos e não envolve os Summeregis...
Ela me encarou em silencio antes de se pronunciar.


Legenda:

Narração ɸ ɸ ɸ Robert S. Winchester ɸ ɸ ɸ Victória Summiregis





ɸ Slytherin ɸ

Robert S. Winchester
Monitor Sonserina
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 26
Casa:: Sonserina
Time: Morcegos de Ballycaste

Robert S. Winchester

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Luck (Fortuna in Ludis) em Qui 25 Ago 2016, 10:45


Novo Recomeço

História

Explicaçao

Olá Convidado,

A quinze anos atrás o mundo bruxo conheceu uma força destrutiva tão grande, tão poderosa e tão cruel quanto o lendário lorde Voldemort. Um novo lorde das trevas surgia, Lord Antony Darligulv, Antony, que outrora fora um estudante em Hogwarts e um dos melhores amigos daqueles que se tornariam Ministro e Diretora de Hogwarts, Albert e Alexia, se desviou dos ensinamentos de Hogwarts, aprofundando-se em uma busca por poder e conhecimento negro, cada vez mais inclinando-se às trevas.
Após se formar Antony decidiu partir em busca dos antigos manuscritos de Lord Voldemort, revivendo o termo Comensais da Morte e mergulhando o mundo em uma nova era de trevas. Antony em sua busca por controle sobre o mundo bruxo desafiou seus antigos amigos, o Ministro da Magia Albert W. McAlister e a Diretora de Hogwarts Alexia R. Watsgrint, embora diversos embates tenham ocorrido, jamais houvera um vencedor.

(...)


Não se sabe o que causou a queda das proteções de Hogwarts, mas é de conhecimento geral o que ocorreu após isso. Com a queda de seus feitiços e rituais de proteção Hogwarts fora atacada pelo temível Lord Antony Darliguv e seus cruéis Comensais da Morte. Após o ataque ao Ministério da Magia Inglês, que levou o bruxo Gerard Guinever, bruxo que fora considerado o Bruxo deste Milênio, a morte.
Antony invadiu Hogwarts, uma invasão que custou caro ao mundo bruxo. Durante a invasão que entrou para os livros de história como o maior massacre do mundo bruxo, Lord Darligulv e seus Comensais findaram com um incontável números de vidas. Alunos, funcionários e professores pereceram pelas mãos do Lorde e seus seguidores. Em um último embate o Ministro da Magia, Albert W. McAlister, caiu perante a varinha do Lorde das Trevas, após a queda de Albert, Antony partiu em busca de sua última grande inimiga, a Diretora de Hogwarts, Alexia R. Watsgrint.
O duelo entre Alexia e Antony causou uma destruição imensa em Hogwarts, bem como a morte de muitos alunos em meio ao processo. Após o fim do duelo o Lord Antony Darligulv caiu perante a varinha de Alexia, com a queda do lorde os Comensais que o acompanhavam foram sendo derrotados rapidamente, não deixando outra alternativa aos que sobreviveram senão fugir de Hogwarts.
Um último Comensal, John B. Smooken, braço direito do Lord Antony Darligulv, confrontou Alexia pela morte de seu mestre, em meio ao duelo, quando a vitória do comensal parecia certeira, uma chama de esperança surgiu, Robert S. Winchester interveio, matando o comensal e salvando a vida de Alexia. Após o ataque Robert simplesmente desaparecera sem deixar qualquer vestígio, ignorando até mesmo os agradecimentos de Alexia ou do mundo bruxo.

(...)


Um ano após o impetuoso ataque, entre reformas e construção de novos meios de proteção, Hogwarts finalmente estava pronta para receber alunos novamente. Agora vinha a parte mais difícil, que era convencer os bruxos de todo o mundo que Hogwarts era um lugar seguro para as crianças de todo lugar. Embora Alexia Robb Watsgrint conseguisse provar que Hogwarts estava novamente apta a abrir as portas e receber alunos, ainda existem aqueles que desconfiam de tal coisa.



Staff
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Nenhum

Luck (Fortuna in Ludis)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Ben H. Monreal em Dom 25 Set 2016, 22:21

Pré-Aula
Ben saiu da comunal e foi dar uma volta rapida pelo castelo. Era grande demais para conhece-lo todo antes de sua primeira aula. Respirou fundo enquanto olhava seu horario de aula, faltava pouco para começar sua primeira aula. O mesmo estava divido entre animado e sem vontade de ter aquela materia. Sentou-se  rapidamente em um banco no patio do relógio, estava deserto aquele lugar.

Imaginou que faltando poucos minutos as pessoas nao estariam ali e sim procurando as salas de aula. Por sorte o mesmo ja havia visitado as salas e sabia onde ficavam, pelo menos aquilo Ben sabia do castelo. Sentiu o vendo bater em seu rosto, o vento gélido e gostoso que o fez fechar os olhos por alguns segundos apenas para sentir. Quando os reabriu viu que havia alguem ao seu lado



Benjamin Monreal
Hood
 
Sonserina
avatar

Perfil Escolar
Nivel de Experiencia: 1
Casa::
Time: Tornados de Tutshill

Ben H. Monreal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pátio da Torre do Relógio

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 3 Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum